27/02/2022 às 18h35min - Atualizada em 01/03/2022 às 00h00min

Famílias de Petrópolis afetadas pelo temporal receberão benefícios

Depois de 12 dias de buscas, o número de mortos na tragédia chega a 229, com 20 pessoas ainda desaparecidas. Os abrigos, montados em 13 escolas da cidade, estão com 875 pessoas.

SALA DA NOTÍCIA Agência Brasil
https://agenciabrasil.ebc.com.br/geral/noticia/2022-02/familias-de-petropolis-afetadas-pelo-temporal-receberao-beneficios

As famílias afetadas pelo temporal do dia 15 de fevereiro em Petrópolis, na região serrana do Rio de Janeiro, terão acesso a uma série de benefícios e isenções. Segundo a prefeitura da cidade, as famílias que perderam suas casas receberão o aluguel social no valor de R$ 1 mil, sendo R$ 800 pagos pelo governo estadual e R$ 200 pagos pelo poder municipal.



Depois de 12 dias de buscas, o número de mortos na tragédia chega a 229, com 20 pessoas ainda desaparecidas. Os abrigos, montados pela prefeitura em 13 escolas da cidade, estão com 875 pessoas.



As pessoas que estão nos abrigos estão sendo cadastradas no programa de forma automática. As famílias desalojadas devem comparecer à Escola Princesa Isabel para fazer o cadastro. Em parceria com o Conselho Regional de Corretores de Imóveis (Creci-RJ), a prefeitura busca imóveis que possam ser alugados para essas famílias.



Promessas



Um projeto de lei enviado pela prefeitura para a Câmara Municipal de Petrópolis propõe a isenção do IPTU para imóveis alugados por beneficiários do aluguel social, bem como a isenção da taxa da coleta de lixo. O prefeito, Rubens Bomtempo, disse que também pedirá a isenção das taxas de água e de energia elétrica.



“Vamos solicitar que as concessionárias de água e energia elétrica façam as ligações, assim que acontecer o aluguel. E vamos solicitar também a isenção da taxa para essas pessoas que estiverem morando lá com o aluguel social. Vamos nos empenhar para que as concessionárias façam essa isenção”.



A prefeitura busca, ainda, parceria com o terceiro setor para a compra de kits-moradia para as famílias que perderam tudo, com móveis e utensílios essenciais como fogão, geladeira, cama e armário.



Outro benefício prometido pela prefeitura é o Cartão Imperial, no valor de R$ 70 por pessoa, para a compra de alimentos.



Limpeza



Hoje (27) a Defesa Civil fez o desmonte de duas rochas no Morro da Oficina, no Alto da Serra, para continuar a liberação da área, a mais atingida pelo desastre. O trabalho, precedido por avisos por SMS para a população local cadastrada, é feito com uma técnica de baixo impacto, utilizando reação química no lugar de explosivos.



Até o momento, mais de 41 mil toneladas de entulho foram retiradas das ruas de Petrópolis após as chuvas. Equipes trabalham na limpeza, desobstrução e recuperação de vias, restabelecimentos de serviços, reforço na segurança e no atendimento à população afetada e resgate de vítimas.



Já foram liberadas 16 vias bloqueadas por deslizamentos e 432 carros danificados pela chuva foram retirados das ruas. O abastecimento de energia elétrica foi normalizado para 30 mil usuários e o fornecimento de água alcançou 96,3% dos clientes.




Fonte: agenciabrasil.ebc.com.br
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://sosnoticias.com.br/.
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp