14/07/2022 às 00h09min - Atualizada em 16/07/2022 às 00h00min

Nova Carteira de Identidade Nacional começa a ser emitida no país a partir de agosto

Com a mudança, cada cidadão poderá ter apenas um registro que irá valer em todo território nacional

SALA DA NOTÍCIA Cláudia Fried Florêncio
A partir do mês de agosto, a nova Carteira de Identidade Nacional (CIN) será emitida pelos estados em um modelo único, reconhecido em todo o território nacional, diferente do atual em que um cidadão pode conseguir até 27 identidades com numerações diferentes, sendo uma em cada unidade da Federação, devido a não integração dos sistemas governamentais. A versão digital do documento e a validação dos dados do cidadão para a emissão do documento será feita pelo GOV.BR. Com a mudança, a nova CIN também permitirá a inclusão da carteira de estudante, pela leitura do QR Code.
Os brasileiros que já possuem CPF e moram nos estados do Acre, Pernambuco, Goiás, Minas Gerais, Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul, além do Distrito Federal, poderão solicitar a CIN ao Instituto de Identificação de seu estado a partir de 4 de agosto deste ano. Esses estão tecnicamente aptos a emitir o novo documento, os demais têm até março de 2023 para iniciar a emissão do novo modelo. Portanto, a transição não precisa acontecer imediatamente e pode transcorrer de forma gradual, contínua e sem custo até 2023, ano que o modelo atual perde a validade.
A nova CIN será emitida em duas versões: física e digital, que possui o mesmo layout e segurança. A versão física, em papel ou em policarbonato, atende aos que não possuem acesso à internet, smartphones ou computadores. Já o documento em formato digital é obtido por meio do aplicativo GOV.BR, mas somente após a emissão da carteira física.
Para verificar a autenticidade do documento, a CIN possui um QR Code, que poderá ser lido por qualquer cidadão e vai permitir checar se a identidade é autêntica e se foi furtada ou extraviada. A nova identidade segue padrões internacionais e possui o código MRZ – o mesmo do passaporte, que permite a entrada em países do Mercosul com maior facilidade. Para os demais países, ainda é necessário a apresentação do passaporte.
Para Euza Bispo, CEO da EB Treinamentos, formada em Gestão de Recursos Humanos, pós-graduada em Cálculos Trabalhistas e MBA em Legislação Trabalhista e Direito Previdenciário, “Acho positivo a troca pelo modelo unificado, assim como temos hoje o CPF que é um número só para todo país. Ou seja, agora temos mais segurança, e como é vinculada ao CPF, os registros serão integrados. Ressalto alguns pontos positivos: a questão da segurança, que evita fraudes; a questão do Qrcode, que em casos de emergência, permite o acesso aos dados relacionados à saúde, vinculados ao cidadão. E não posso deixar de destacar a possibilidade da carteira de identidade nacional ser papel, já que infelizmente muitos brasileiros não possuem um celular com capacidade para rodar os aplicativos ou até mesmo não tem acesso à internet." conclui a CEO da EB Treinamentos.
 
*Sobre a EB Treinamentos*


Fundada em 2018 e dirigida por Euza Bispo – formada em Gestão de Recursos Humanos, pós-graduada em Cálculos Trabalhistas e MBA em Legislação Trabalhista e Direito Previdenciário –, a EB Treinamentos oferece os serviços de treinamentos, auditorias, consultoria trabalhista, previdenciária e gestão de benefícios, para apoiar  profissionais de Recursos Humanos e empresas que querem ampliar e atualizar conhecimentos, além de aprimorar processos de sua Administração de Pessoal. Formada por especialistas nas áreas de Direito, RH, Contábil, entre outras, a equipe multidisciplinar apoia os clientes na identificação de oportunidades de melhoria, no cumprimento das normas trabalhistas e atua de forma preventiva para minimizar possíveis riscos que deixam empresas vulneráveis a eventuais multas. Já concluiu mais de 200 treinamentos In Company e mais de 40 mil pessoas, em nove países, foram impactadas pelos cursos nos formatos online e presencial. As aulas disponíveis no Youtube já possuem mais de um milhão e meio de visualizações e, atualmente, há cerca de seis mil alunos ativos.
Imprensa – Central de Fontes
Juliana Reis – [email protected]centraldefontes.com.br – (11) 98048-3414
Cláudia Florêncio – [email protected]com – (11) 98307-6265
 
 

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://sosnoticias.com.br/.
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp